Segunda capa

É preciso ter vivido ao seu lado

O que a História nunca será capaz de dizer, o que não é possível que ela faça compreender é a sua vida íntima, o...

Convertido pela Santíssima Virgem

“Na noite de 19 para 20 acordei sobressaltado e vi diante de mim uma grande cruz negra, de aspecto extraordinário e sem o...

A mais bela aliança de heroísmo e santidade

Ora na vanguarda, ora na retaguarda da hoste, presente sempre onde o risco era maior, Nuno Álvares resumia em si o gênio, a alma,...

Filhos das dores do pai

De par com a graça vai sempre o sacrifício. comprara seus filhos com orações, lágrimas e dores. Satanás fazia-os pagar bem caro. ...

A Cruz, símbolo de honra e destemor

A Cruz de Cristo e as cruzes que por Ele carregamos são símbolos de nossa honra. Esta consiste em recebermos a humilhação com ufania,...

“Voltai ao meu Coração, que é todo vosso”

Com que afeto devemos abraçar e sofrer, por amor a Nosso Senhor, todas as aflições que nos sobrevenham, já que Ele as suportou primeiro...

Maravilhosa santidade e ternura paternal

A mais dolorosa prova para era afastarem-se da casa de Roma, onde lhes era dado verem o seu muito amado Padre Geral, admirarem...

Servir a Deus em todas as condições de vida

Fica sabendo, minha filha, que nesta terra não terás mais do que um dia bom entre cem ruins, pois deves assemelhar-te a meu Filho...

Nascida para fundar e governar

A Madre Lestonnac possuía em alto grau as qualidades psíquicas e morais que lhe pareciam indispensáveis para exercer suas difíceis funções. Aos cinquenta e...

Quem me olhar, que Vos veja

Apesar de ela ser modelar em tudo – escreve uma colega de noviciado de Maria Teresa González-Quevedo –, creio que a nota peculiar de...

Pureza convidativa e irradiante

São Casimiro era tão casto que comunicava aos outros o desejo de serem puros. É bonito este fato, porque muitas vezes encontramos pessoas puras,...

Felicíssimo e casto abraço

Em 20 de agosto de 1815, na Santa Comunhão, dignou-Se meu Senhor estabelecer seu trono no meu pobre coração. Oh, que graça! Impossível manifestar...