28 de agosto de 2022

Domingo da 22ª semana do Tempo Comum

Hoje omite-se a Memória de Santo Agostinho, Bispo e Doutor da Igreja (†430 Hipona – Argélia). Teve uma juventude cheia de vícios e desvios doutrinários, mas se converteu, graças às orações de sua mãe e à influência de Santo Ambrósio. Após um período de penitências, foi ordenado sacerdote e mais tarde Bispo. Entre as suas obras, destaca-se o livro das Confissões.


Ver também:

Leituras da Missa

Primeira leitura: Eclo 3,19-21.30-31 (gr: 17-18.20.28-29)

19Filho, realiza teus trabalhos com mansidão e serás amado mais do que um homem generoso. 20Na medida em que fores grande, deverás praticar a humildade e assim encontrarás graça diante do Senhor. Muitos são altaneiros e ilustres, mas é aos humildes que ele revela seus mistérios. 21Pois grande é o poder do Senhor, mas ele é glorificado pelos humildes. 30Para o mal do orgulhoso não existe remédio, pois uma planta de pecado está enraizada nele, e ele não compreende. 31O homem inteligente reflete sobre as palavras dos sábios e, com ouvido atento, deseja a sabedoria.

Salmo responsorial: Sl 67(68),4-5ac.6-7ab.10-11 (R. cf. 11b)

R. Com carinho preparastes uma mesa para o pobre.

Os justos se alegram na presença do Senhor *rejubilam satisfeitos e exultam de alegria! Cantai a Deus, a Deus louvai,cantai um salmo a seu nome! *o seu nome é Senhor: exultai diante dele! R.

Dos órfãos ele é pai, e das viúvas protetor: *é assim o nosso Deus em sua santa habitação. É o Senhor quem dá abrigo, dá um lar aos deserdados, *quem liberta os prisioneiros e os sacia com fartura. R.

Derramastes lá do alto uma chuva generosa, *e vossa terra, vossa herança, já cansada, renovastes; e ali vosso rebanho encontrou sua morada; *com carinho preparastes essa terra para o pobre. R.

Segunda leitura: Hb 12,18-19.22-24a

Irmãos, 18vós não vos aproximastes de uma realidade palpável: “fogo ardente e escuridão, trevas e tempestade, 19som da trombeta e voz poderosa”, que os ouvintes suplicaram não continuasse. 22Mas vós vos aproximastes do monte Sião e da cidade do Deus vivo, a Jerusalém celeste; da reunião festiva de milhões de anjos; 23da assembleia dos primogênitos, cujos nomes estão escritos nos céus; de Deus, o juiz de todos; dos espíritos dos justos, que chegaram à perfeição; 24de Jesus, mediador da Nova Aliança.

Evangelho:Lc 14,1.7-14

1Aconteceu que, num dia de sábado, Jesus foi comer na casa de um dos chefes dos fariseus. E eles o observavam. 7Jesus notou como os convidados escolhiam os primeiros lugares. Então, contou-lhes uma parábola: 8“Quando tu fores convidado para uma festa de casamento, não ocupes o primeiro lugar. Pode ser que tenha sido convidado alguém mais importante do que tu, 9e o dono da casa, que convidou os dois, venha te dizer: ‘Dá o lugar a ele’. Então tu ficarás envergonhado e irás ocupar o último lugar. 10Mas, quando tu fores convidado, vai sentar-te no último lugar. Assim, quando chegar quem te convidou, te dirá: ‘Amigo, vem mais para cima’. E isso vai ser uma honra para ti diante de todos os convidados. 11Porque quem se eleva será humilhado e quem se humilha será elevado”. 12E disse também a quem o tinha convidado: “Quando tu deres um almoço ou um jantar, não convides teus amigos, nem teus irmãos, nem teus parentes, nem teus vizinhos ricos. Pois estes poderiam também convidar-te, e isso já seria a tua recompensa. 13Pelo contrário, quando deres uma festa, convida os pobres, os aleijados, os coxos, os cegos. 14Então tu serás feliz! Porque eles não te podem retribuir. Tu receberás a recompensa na ressurreição dos justos”.


Santos em destaque

Santo Alexandre, Bispo (†c. 336). Como Bispo de Constantinopla, lutou denodadamente em defesa da Fé, atacada pela heresia ariana.

São Moisés Etíope, monge (†400). No Egito, de ladrão se converteu em anacoreta e atraiu outros bandidos à vida religiosa.

Santa Florentina, virgem (†séc. VII). Irmã de três Santos: Leandro, Fulgêncio e Isidoro de Sevilha, foi abadessa do mosteiro beneditino de Écija, Espanha.

São Junípero Serra, presbítero (†1784). Religioso franciscano, fundou missões que deram origem a cidades como Los Angeles, São Francisco e San Diego.

Santa Joaquina de Vedruna, viúva (†1854). Educou cristãmente seus nove filhos e, após enviuvar, fundou o Instituto das Carmelitas da Caridade.

Beato Afonso Maria Mazurek, presbítero e mártir (†1944). Prior do convento carmelita de Czerna, Polônia, brutalmente torturado e, por fim, fuzilado.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online


Galerias de imagens

 

Artigo anterior27 de agosto de 2022
Próximo artigo29 de agosto de 2022

Próximas liturgias

21 de agosto de 2022

Solenidade da Assunção de Nossa Senhora Solenidade da Assunção de...

22 de agosto de 2022

Memória de Nossa Senhora Rainha Nossa Senhora Rainha. Instituída por...

23 de agosto de 2022

Festa de Santa Rosa de Lima Santa Rosa de Lima,...
Artigo anterior27 de agosto de 2022
Próximo artigo29 de agosto de 2022

Redes sociais

1,600,460FãsCurtir
103,000SeguidoresSeguir
8,500SeguidoresSeguir
253,000InscritosInscrever