Aconteceu na Igreja e no mundo

Polônia celebra a Epifania com o cortejo dos Reis Magos

No dia 6 de janeiro, festa da Epifania, foi realizado o cortejo dos Reis Magos em 668 localidades da Polônia, desde grandes cidades, como Varsóvia e Cracóvia, até pequenas povoações. Essa tradição católica de origem espanhola iniciou-se no país eslavo em 2009, quando a Fundação do Cortejo dos Três Reis organizou uma modesta procissão pelas ruas da capital.

Precedido por uma estrela e acompanhado por numerosos fiéis que ­entoam cações natalinas, o séquito dos Reis segue até a praça central de cada cidade, onde se encontra o presépio com a Sagrada Família. Ali os Magos prestam homenagem a Jesus Menino, seguidos por famílias inteiras que Lhe fazem reverência. Em algumas localidades, formam-se quatro cortejos, encabeçados pela Sagrada Família ou por um dos Reis Magos. Partindo de paróquias diferentes, todos convergem na praça onde está o presépio.

Durante a procissão, há uma encenação feita por grupos de crianças vestidas de Anjos ou demônios, representando a luta do bem contra o mal.

Sacerdote vietnamita é assassinado no confessionário

Causou profunda consternação o brutal assassinato do sacerdote dominicano de quarenta e um anos, Pe. Joseph Tran Ngoc Thanh, na localidade montanhosa de Dak Mot, Diocese de Kon Tum, no Vietnã, antes da Missa vespertina do dia 29 de janeiro. Ele foi esfaqueado na igreja local enquanto atendia um fiel em Confissão.

“Esta é a morte mais grave de um sacerdote desde o final da guerra”, declarou a Ordem dos Pregadores em um comunicado. O Vietnã está na lista dos vinte países mais inseguros do mundo para os cristãos.

Multiplica-se a recitação pública do Rosário na França

A França reza, assim se chama um movimento levado a cabo por leigos católicos, que visa promover e multiplicar a recitação do Rosário em espaços públicos dessa nação europeia.

A iniciativa, que nasceu na Áustria em novembro de 2021 e rapidamente se espalhou por outros países, consiste em rezar o Terço, sozinho ou em grupo, diante de um calvário, cruzeiro ou imagem conservados em lugar público, de preferência às dezoito horas das quartas-feiras. Até o início de fevereiro, mais de dois mil e trezentos Terços já haviam sido recitados na França.

Segundo informam os organizadores, essa iniciativa surgiu para “confiar nosso país, que atualmente atravessa uma das crises sociais mais graves de sua história, à proteção da Santíssima Virgem, e implorar que Ela venha em auxílio de seus habitantes”.

Venda de livros religiosos cresce no Brasil

Durante a pandemia de COVID-19, os brasileiros parecem ter redescoberto o hábito da leitura… Assim indicam os dados divulgados pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros, que mostram um aumento de 29,3% na venda de livros no país em 2021. Ao todo, foram comercializados mais de cinquenta e cinco milhões de livros ao longo desse ano.

Segundo afirmou o presidente do sindicato, Dante Cid, os livros religiosos estão entre os que tiveram vendas acima da média dos demais gêneros de leitura.

Grave sacrilégio contra a Sagrada Eucaristia em Paris

Em meados de janeiro, o Pe. Simon Fornier de Violet, vigário da Paróquia do Espírito Santo, em Paris, denunciou a profanação do Santíssimo Sacramento ocorrida diante de seus olhos, numa Missa dominical.

Narrou o sacerdote que, durante a distribuição da Comunhão, um homem estendeu a mão para receber a Sagrada Hóstia, mas, em vez de levá-la à boca, levantou a partícula até a altura de seu rosto e a esmagou, desfazendo-a em pedacinhos, antes de jogá-la ao chão. “O ato foi, portanto, pensado, premeditado. Tinha as mãos um pouco inchadas, com algumas feridas, como as pessoas que consomem álcool ou droga em excesso. Estava, porém, plenamente consciente”, afirmou o Pe. Fornier.

Tendo recolhido o que pôde das partículas, o sacerdote decidiu levar a Hóstia na procissão de saída da Missa. Dias depois, foi celebrada na paróquia uma Eucaristia em reparação pela ofensa feita a Deus. Recordou o Pe. Fornier que profanar o Corpo de Cristo é o sacrilégio mais grave que se pode cometer, pois “o Corpo de Cristo é o tesouro da Igreja”.

Imagem de Nossa Senhora resiste a incêndio no Colorado

No final do ano passado, o Estado do Colorado, nos Estados Unidos, foi assolado por terríveis incêndios florestais que devastaram mais de um milhar de casas, obrigando cerca de trinta e cinco mil pessoas a abandonarem suas residências. A tragédia chegou a ser considerada a pior desse gênero ocorrida no estado.

Em meio a esse cenário desolador, a Arquidiocese de Denver compartilhou nas redes sociais a foto de uma imagem de Nossa Senhora das Graças, na cidade de Louisville, que resistiu de pé entre os restos de edificações devoradas pelo fogo. O fato pode ser considerado um belo sinal da onipotente intercessão d’Aquela que é a Consoladora dos Aflitos e a Mãe da Divina Graça.

Abençoada imagem do “Santo Niño de Atocha”

No dia de Natal, festa patronal do Santuário de Plateros, no México, foi abençoada a monumental imagem do Santo Niño de Atocha, de 7,1 metros de altura, levantada no Cerro de la Santa Cruz, município de Fresnillo. A bênção ocorreu após a Celebração Eucarística presidida no santuário por Dom Sigifredo Noriega Barceló, Bispo de Zacatecas, após a qual o prelado e o prefeito da cidade se dirigiram até o alto do cerro, onde aguardavam numerosos fiéis.

O local abrigou anteriormente a casa de máquinas das minas exploradas na região e, na década de 1970, ali foi erigida uma capela ao Santo Niño de Atocha. Desde então, os habitantes das redondezas passaram a recorrer ao Divino Infante implorando a salvação de muitos operários que ficavam presos nas minas.

Santuário profanado na Costa Rica

Em continuidade com a atual seguidilha mundial de vandalismo religioso, no dia seguinte à festa do Santo Cristo de Esquipulas, comemorada em 15 de janeiro, um desconhecido invadiu seu santuário nacional em Santa Cruz, na Costa Rica, com o intuito de roubar o dinheiro da coleta.

Apesar dos danos causados ao templo, a imagem do Santo Cristo de Esquipulas não sofreu avarias, por ficar guardada em lugar seguro após o término das atividades religiosas na igreja. Contudo, entre os objetos vandalizados está a urna na qual ela é exposta, que foi destruída e jogada ao chão.

Ano Jubilar em honra a São João Diego Cuauhtlatoatzin

O Arcebispo da Cidade do México e Cardeal Primaz do país, Dom Carlos Aguiar Retes, decretou um Ano Jubilar em honra a São João Diego, vidente e mensageiro de Nossa Senhora de Guadalupe, pelos vinte anos de sua canonização e quatrocentos e noventa anos das aparições da Santíssima Virgem. O anúncio foi feito no dia 9 de dezembro do ano passado, festa do Santo, e o especial período de graça se estenderá até a mesma data deste ano.

Com as devidas disposições e condições, os fiéis que acorrerem à Paróquia de Santa Maria de Guadalupe em determinados dias poderão lucrar indulgência plenária para si ou para os fiéis defuntos. Também poderão lucrar indulgência parcial aqueles que realizem obras de piedade ou de caridade organizadas pela mesma paróquia.

Vale recordar as condições estabelecidas pela Santa Igreja para a obtenção das indulgências: Confissão sacramental, Comunhão Eucarística e oração nas intenções do Sumo Pontífice. Requer-se, ademais, a rejeição a todo apego ao pecado, ainda que venial.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Do mesmo autor

Artigos relacionados

Redes sociais

1,644,769FãsCurtir
125,191SeguidoresSeguir
9,133SeguidoresSeguir
308,000InscritosInscrever