24 de setembro de 2022

Sábado da 25ª semana do Tempo Comum

Leituras da Missa

Primeira leitura: Ecl 11,9-12,8

9Alegra-te, jovem, na tua adolescência, e que o teu coração repouse no bem nos dias da tua juventude; segue as aspirações do teu coração e os desejos dos teus olhos; fica sabendo, porém, que de tudo isso Deus te pedirá contas. 10Tira a tristeza do teu coração e afasta a malícia do teu corpo, pois a adolescência e a juventude são vaidade. 12,1Lembra-te do teu Criador nos dias da juventude, antes que venham os dias da desgraça e cheguem os anos dos quais dirás: “Não sinto prazer neles”; 2antes que se obscureçam o sol, a luz, a lua e as estrelas e voltem as nuvens depois da chuva; 3quando os guardas da casa começarem a tremer e se curvarem os homens robustos; quando as poucas mulheres cessarem de moer, e ficarem turvas as vistas das que olham pelas janelas, 4e se fecharem as portas que dão para a rua; quando enfraquecer o ruído do moinho, e os homens se levantarem ao canto dos pássaros, e silenciarem as vozes das canções, 5e houver medo das alturas e sobressaltos no caminho, enquanto a amendoeira floresce, o gafanhoto se arrasta e a alcaparra perde o seu gosto, porque o homem se encaminha para a morada eterna e os que choram já rondam pelas ruas; 6antes que se rompa o cordão de prata e se despedace a taça de ouro, a jarra se parta na fonte, a roldana se arrebente no poço; 7antes que volte o pó à terra, de onde veio, e o sopro de vida volte a Deus, que o concedeu. 8Vaidade das vaidades, diz o Eclesiastes, tudo é vaidade.

Salmo responsorial: Sl 89(90),3-4.5-6.12-13.14 e 17 (R. 1)

R. Ó Senhor, vós fostes sempre um refúgio para nós.

3Vós fazeis voltar ao pó todo mortal, *quando dizeis: “Voltai ao pó, filhos de Adão!” 4Pois mil anos para vós são como ontem, *qual vigília de uma noite que passou. R.

5Eles passam como o sono da manhã, *6são iguais à erva verde pelos campos: De manhã ela floresce vicejante, *mas à tarde é cortada e logo seca. R.

12Ensinai-nos a contar os nossos dias, *e dai ao nosso coração sabedoria! 13Senhor, voltai-vos! Até quando tardareis? *Tende piedade e compaixão de vossos servos! R.

14Saciai-nos de manhã com vosso amor, *e exultaremos de alegria todo o dia! 17Que a bondade do Senhor e nosso Deus †repouse sobre nós e nos conduza! *Tornai fecundo, ó Senhor, nosso trabalho. R.

Evangelho: Lc 9,43b-45

Naquele tempo, 43todos estavam admirados com todas as coisas que Jesus fazia. Então Jesus disse a seus discípulos: 44“Prestai bem atenção às palavras que vou dizer: o Filho do Homem vai ser entregue nas mãos dos homens”. 45Mas os discípulos não compreendiam o que Jesus dizia. O sentido lhes ficava escondido, de modo que não podiam entender; e eles tinham medo de fazer perguntas sobre o assunto.


Santos em destaque

São Gerardo Sagredo, Bispo e mártir. (1046). Foi mestre de Santo Emerico, filho do rei Santo Estevão. É o padroeiro da Hungria.

Santo Antônio González, presbítero (†1637). Religioso dominicano enviado para o Japão com outros cinco religiosos e encarcerado pouco tempo depois. Foi submetido duas vezes ao suplício da água, até que, consumido pela febre, morreu.

São Pacífico, presbítero (†1721). Religioso Capuchinho que exerceu as funções de professor, pregador e confessor. Uma séria doença fê-lo paraplégico, cego e surdo. A exemplo de Jó, transformou o sofrimento numa plataforma para a santidade.

Beato Dalmácio Moner, presbítero (†1341). Religioso dominicano do Convento de Girona, Espanha. Passou três anos de recolhimento na gruta de Santa Maria Madalena, junto a Marselha, França.

Beatos Guilherme Spencer e Roberto Hardesty, mártires (†1589). Por confessarem a verdadeira religião, foram enforcados e esquartejados no reinado de Elisabeth I da Inglaterra.

Beato Antônio Martim Slomsek, Bispo (†1862). Cuidou com o máximo empenho das instituições eclesiásticas e da vida cristã das famílias, e lutou pela unidade da Igreja na Eslovênia.

Beata Colomba Gabriel, abadessa (†1926). Polonesa de nascença, fundou a Congregação das Irmãs Beneditinas da Caridade e a obra social “Casa da Família”, para acolher moças operárias pobres ou que estivessem longe de suas famílias.

Beato José Raimundo Ferragud Girbés, mártir (†1936). Pai de família fuzilado durante a Guerra Civil
Espanhola.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online


Galerias de imagens

Artigo anterior23 de setembro de 2022
Próximo artigo25 de setembro de 2022

Próximas liturgias

21 de agosto de 2022

Solenidade da Assunção de Nossa Senhora Solenidade da Assunção de...

22 de agosto de 2022

Memória de Nossa Senhora Rainha Nossa Senhora Rainha. Instituída por...

23 de agosto de 2022

Festa de Santa Rosa de Lima Santa Rosa de Lima,...
Artigo anterior23 de setembro de 2022
Próximo artigo25 de setembro de 2022

Redes sociais

1,600,460FãsCurtir
103,000SeguidoresSeguir
8,500SeguidoresSeguir
253,000InscritosInscrever